Frota diz que Janaína Paschoal recusou seguranças e avião particular

Redação


O ator Alexandre Frota disse que a advogada Janaína Paschoal, uma das responsáveis pela ação que resultou no processo de impeachment de Dilma Rousseff (PT), agradeceu, mas recusou a presença de um grupo de segurança oferecido por ele.

Frota anunciou que estava montando uma equipe para escoltar Janaína após ela ser hostilizada no Aeroporto de Brasília, por um grupo professores e educadores.

Em uma postagem no Facebook, Frota também disse que ofereceu um jato particular de “um amigo” para que ela não precisasse passar por aeroportos em suas viagens a Brasília. Ela também teria recusado.

Janaína mora em São Paulo e tem ido semanalmente à Brasília. A exemplo do que tem acontecido com políticos de diversos partidos em aeroportos e restaurantes, ela também foi xingada, chamada de “golpista, golpista”. Não houve agressão física.

Previous ArticleNext Article