Sem Limites: operação mira corrupção e lavagem de dinheiro em antiga diretoria da Petrobras

Redação


Na manhã desta sexta-feira (18), a Operação Sem Limites VI foi deflagrada com objetivo de aprofundar investigações na antiga Diretoria de Abastecimento da Petrobras.

No total, serão cumpridos três mandados de busca e apreensão expedidos pela 13ª Vara em Curitiba. Além disso, foram expedidas ordens para bloqueio de valores até o limite dos prejuízos identificados até o momento.

De acordo com a PF (Polícia Federal), as ordens judiciais buscam elucidar a prática dos crimes de corrupção, lavagem de dinheiro e organização criminosa por novos suspeitos, especificamente na Gerência Executiva de Marketing e Comercialização da Petrobras.

Segundo diligências policiais, foi possível identificar a participação em fatos criminosos de um estrangeiro, representante de interesses de trading companie internacional junto à estatal brasileira, assim como de um nacional ligado a um ex-gerente da Petrobras, responsável por receber recursos de corrupção no exterior.

O aprofundamento da Operação Sem Limites permitiu ainda identificar dois brasileiros envolvidos com outro ex-funcionário da área comercial da Petrobras com o qual obtinham informações privilegiadas sobre negociações da estatal e tratavam de operações comerciais em que poderiam obter vantagens indevidas.

A PF segue nas investigações para identificar e responsabilizar os suspeitos de atentarem contra a estatal que foi vítima de articulações criminosas.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="770700" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]