Seminário debate pluralidade da ciência na conservação do planeta

Redação

Seminário Sepesqi

Amanhã (3) e quinta -feira (4),  das 8h às 22h20, acontece o II SEPESQI – Seminário de Extensão Pesquisa e Internacionalização. O evento tem, além de repetir o feito de 2020, ano em que reuniu mais de 48 mil participantes virtualmente e mais de 1.200 trabalhos científicos, a missão de acrescentar o debate de oportunidades e experiências no ambiente da internacionalização. As informações são da assessoria de imprensa do evento.

Gratuito e aberto ao público, o seminário se propõe a ser um novo fórum de discussão integrativo. O tema escolhido para nortear as discussões do II SEPESQI foi “A Pluralidade da Ciência, Tecnologia e Inovação na Conservação do Planeta”. Esse tema será analisado por pesquisadores, professores, alunos e gestores de 25 campi, pertencentes às instituições de ensino superior da Damásio, Estácio e Wyden.

O SEPESQI abre espaço para a apresentação de trabalhos científicos, nacionais e internacionais das diversas áreas de conhecimento. Segundo Thais de Abreu Lacerda – coordenadora geral do SEPESQI, em 2020, mesmo diante de um cenário de incertezas criado pela pandemia, a equipe responsável pela gestão acadêmica das instituições vislumbrou uma grande oportunidade na migração das atividades presenciais para as virtuais e não hesitou em realizar o evento virtualmente. “Em 2021 estamos empenhados em promover novamente um grande fórum de discussão focado na pesquisa e extensão envolvendo 25 campi para juntos construirmos um espaço dialógico de crescimento acadêmico”, diz Lacerda.

Convidados do seminário

Dentre os convidados de 2021 estão o professor Dr. Adi Balbinot Junior – coordenador-geral de Assuntos Internacionais da Educação Superior da Diretoria de Desenvolvimento da Rede de Instituições Federais de Educação Superior da Secretaria de Educação Superior do MEC; professora Dra. Miriam Pillar Grossi – coordenadora do Núcleo de Identidades de Gênero e Subjetividades e presidente da Comissão de Equidade da UFSC; Anderson Rangel – diretor de operações da Regional Centro Sul da Estácio; Flavio Murilo Gouvêa – diretor de ensino da Estácio; e Caroline Lanzieri – cientista-cidadã da NASA, pesquisadora espacial e astrônoma.

Interessados devem se inscrever como ouvintes. A programação geral está disponível no site do SEPESQI. As instruções de acesso serão fornecidas pela organização próximo ao início do evento.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="800796" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]