Tuitaço liderado por MPF alcança 6º lugar entre assuntos mais comentados da internet

Mariana Ohde


Com a hashtag #PEC65Não, os brasileiros manifestaram no Twittter a sua reprovação à Proposta de Emenda Constitucional 65/2012, que dispensa empreendimentos e atividades de licenciamento ambiental. O assunto chegou a ser o segundo mais comentado no Brasil e ocupou o 6º lugar nos assuntos mais comentados no mundo.

Liderado pelo Ministério Público Federal e com apoio de diversas entidades, ONGs e personalidades, o protesto virtual gerou mais de 19 mil mensagens na rede social. Além de apresentarem argumentos contra a PEC, os internautas lembraram a tragédia de Mariana, para pressionar senadores a votarem contra a proposta.

“As pessoas perceberam o quanto essa PEC é nociva ao meio ambiente e que outras tragédias podem acontecer. O apoio da população é muito importante para pressionar os parlamentares e derrubar essa PEC”, avaliou a coordenadora da Câmara de Meio Ambiente e Patrimônio Cultural, subprocuradora-geral da República Sandra Cureau.

A proposta foi aprovada pela Comissão de Constituição e Justiça do Senado Federal e está pronta para ser votada em plenário. Até a tarde desta segunda-feira, 16 de maio, a consulta pública realizada por meio do portal e-Cidadania, do Senado Federal, recebeu a manifestação de quase 27 mil internautas. Cerca de 26.700 pessoas se manifestaram contrárias à PEC, enquanto 250 se manifestaram favorável.

Previous ArticleNext Article
Mariana Ohde
Repórter no Paraná Portal