UFPR e UTFPR têm 5.987 vagas via SISU

Francielly Azevedo


Começam nesta terça-feira (22) e seguem até sexta-feira (25) as inscrições para a primeira edição de 2019 do Sistema de Seleção Unificada (Sisu).

Aqui no Estado, a Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) e a Universidade Federal do Paraná (UFPR) ofertam juntas 5.987 vagas.

Na UTFPR, as notas do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) são utilizadas como critério de seleção para vagas oferecidas em 13 campus. São 4.525 vagas em 111 cursos de graduação.

Na UFPR, são 1.462 vagas são abertas pelo Sisu em 108 cursos de graduação. As inscrições são exclusivamente no site sisu.mec.gov.br.

Segundo o Ministério da Educação (MEC), no momento em que o candidato insere no sistema o número de inscrição e a senha do Enem de 2018, o Sisu recupera, automaticamente, as notas obtidas no exame.

Durante o período de inscrição, uma vez por dia, o sistema calcula a nota de corte, que é a menor nota para o candidato ficar entre os potencialmente selecionados. Cada curso tem uma nota de corte com base no número de vagas disponíveis e no total dos candidatos inscritos naquele curso, por modalidade de concorrência. A nota de corte só será informada pelo sistema a partir do segundo dia de inscrição.

O pró-reitor de graduação da UFPR, Eduardo Salles Barra, explica que o candidato pode monitorar o curso e mudar a opção conforme a pontuação.

“Pode mudar a sua opção ao longo desse período, de forma que ele veja que a pontuação que ele alcançou está abaixo da que ele queria para aquela carreira. Ele também pode escolher outra carreira com pontuação menor e concorrer”, disse.

Conforme o MEC, neste primeiro semestre, serão oferecidas 235.476 vagas em 129 instituições de todo o país.

Pra participar, é necessário ter tirado nota acima de zero na redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2018.

Cada candidato pode se inscrever em até duas vagas, especificando a ordem de preferência e o turno no qual pretende estudar, além da instituição.

O pró-reitor da UFPR conta que geralmente o curso de medicina é um dos que tem a nota de corte mais alta.

“O curso de medicina em Curitiba tem nas as últimas classificações que não alcançarão as vagas, candidatos que teriam grande potencial em outra carreiras, mas que optam pela medicina”, explicou.

Barra destaca que o candidato pode escolher o curso conforme sua possibilidade aprovação com a nota de corte, mas que o essencial, sempre, é escolher uma carreira que ele realmente vá exercer.

“Eu acho que escolher a carreira que tem real interesse está acima de tudo. Não adianta escolher apenas de acordo com as possibilidades em relação a nota se não tiver expectativa sobre a área de estudo que a carreira exige”.

As inscrições via Sisu começam nesta terça-feira (22) e seguem até sexta-feira (25). A primeira chamada ocorre no dia 28 de janeiro. A convocação para outras chamadas acontece de 7 de fevereiro, caso existam vagas remanescentes.

Previous ArticleNext Article
Jornalista, formada pela Universidade Tuiuti do Paraná. Tem passagens pela TV Educativa, TV Assembleia, TV Transamérica, CATVE, Rádio Iguassu e Folha de Londrina. Atualmente trabalha no Paraná Portal e na Rádio CBN.
[post_explorer post_id="587961" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]