UFPR sobe posições fica entre as 3,8% universidades bem avaliadas

Ranking avalia quatro quesitos: qualidade da educação, empregabilidade dos ex-alunos, qualidade do corpo docente e desempenho da pesquisa acadêmica.

Redação - 27 de abril de 2022, 14:26

(Foto: Marcos Solivan/UFPR)
(Foto: Marcos Solivan/UFPR)

A UFPR (Universidade Federal do Paraná) subiu 13 posições e está entre as 3,8% universidades mais bem avaliadas no ranking do Center for World University Rankings (CWUR), consultoria dos Emirados Árabes Unidos, que avalia 19.788 instituições.

Com a subida, a universidade está na posição 767. O ranking avalia quatro quesitos:

  • Qualidade da educação (25%): número de distinções acadêmicas que os ex-alunos ganharam em relação ao tamanho da universidade
  • Empregabilidade dos ex-alunos (25%)
  • Qualidade do corpo docente (10%)
  • Desempenho da pesquisa acadêmica (40%): quantidade de artigos acadêmicos produzidos (10%); quantidade de artigos publicados nos principais periódicos científicos (10%) e nos periódicos mais influentes (10%); quantidade de citações (10%)

A UFPR foi destaque no desempenho em pesquisa acadêmica, 11 posições acima do que no ano anterior. Na comparação com as universidades brasileiras, manteve-se na 10ª posição. Com relação às universidades federais, a UFPR é a 6ª melhor do país. No Paraná, a universidade ficou com a primeira colocação entre as instituições.

A líder do ranking foi a universidade de Harvard, dos Estados Unidos, seguida pelo Massachusetts Institute of Technology (MIT) também dos EUA. No Brasil lidera o ranking a Universidade de São Paulo (USP).

RESULTADO DA UFPR É CELEBRADO PELO PREFEITO DE CURITIBA

O prefeito de Curitiba, Rafael Greca, celebrou nesta quarta-feira (27) o resultado obtido pela UFPR no ranking do Center for World University Rankings (CWUR), que coloca a instituição entre as 3,8% melhores universidades do mundo. 

Pelo Twitter, o prefeito escreveu: "Parabenizo a UFPR, que subiu 13 lugares no ranking e, hoje, está entre as 3,8% universidades mais bem avaliadas do mundo. A nossa Federal - primeira Universidade do Brasil - foi onde me graduei Engenheiro Civil em 1978. É a número 1 do Paraná e a 6ª do país".