Mostra de filmes dá voz a refugiados em Curitiba

Fernando Garcel


Com Metro Jornal Curitiba

Começa nesta quinta-feira a mostra “Olhares sobre o Refúgio”, evento que acontece durante 4 dias exibindo ao público produções cinematográficas que trazem os dramas vividos pelos refugiados. Promovido pela Agência da ONU para Refugiados, o evento faz parte das comemorações do Dia Mundial do Refugiado, celebrado em 20 de junho.

Exibida em 5 capitais brasileiras, a mostra promove, além da exibição de 4 documentários, debates, seminários, exposições e oficinas.

Em entrevista ao Metro Jornal, o oficial de Informação Pública da Agência da ONU Luiz Fernando Godinho contou que o critério de escolha dos filmes foi buscar um olhar internacional sobre o tema. “É extremamente importante compreender e falar dos refugiados no sentido de que cada vez mais é preciso informar a sociedade sobre isso e mostrar, de uma maneira lúdica, quem são essas pessoas e por que elas são forçadas a deixar o seu país. É uma decisão muito difícil ir para outro lugar e tentar reconstruir a sua vida em uma situação totalmente nova, e os filmes dão diferentes olhares a essa situação, a fim de criar uma consciência sobre isso nas pessoas”.

A mostra, que vai exibir documentários e histórias fictícias, pretende provocar no público a discussão sobre os motivos que forçam pessoas refugiadas a deixarem para trás as suas vidas e o seu país.

Após Curitiba, primeira cidade do país a receber a mostra internacional de cinema, o evento segue para o Rio de Janeiro, Porto Alegre, Brasília e São Paulo. As sessões serão exibidas na Cinemateca de hoje a domingo sempre às 19h, e a entrada é gratuita.

Capturar

 

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="434764" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]