Negócios Locais
Compartilhar

Inscrições abertas para programa de apoio ao empreendedorismo feminino

Estão abertas as inscrições para a segunda edição da Academia para Mulheres Empreendedoras (AWE - sigla em inglês em ing..

Redação - 23 de agosto de 2021, 16:51

Estão abertas as inscrições para a segunda edição da Academia para Mulheres Empreendedoras (AWE - sigla em inglês em inglês para Academy For Women Entrepreneurs). O programa, organizado pela embaixada e por consulados americanos no Brasil em parceria com o Grupo +Unidos, visa apoiar o empreendedorismo feminino com 90 vagas para brasileiras.

As candidatas devem ter entre 25 e 55 anos, além de um negócio estabelecido por no mínimo dois anos, com no mínimo dois e no máximo cinco funcionários. As inscrições vão até o dia 26 de setembro no link maisunidos.org/awebrasil.

A AWE é um programa que já permitiu que mais de 10 mil mulheres em cerca de 50 países apresentassem um crescimento comercial duradouro. A edição atual vai acontecer de modo on-line entre os meses de novembro de 2021 e março de 2022. Caso as condições sanitárias permitam, todas as empreendedoras selecionadas participarão da competição final em São Paulo no mês de março, em que é comemorado o Dia Internacional da Mulher.

O programa terá sessões sobre expansão de negócios, finanças, planejamento financeiro, negociação, vendas, marketing, operações, gerenciamento e muito mais. Além disso, a programação será complementada com palestras, oficinas, visitas, feiras virtuais, interação com empreendedoras de sucesso, acompanhamento por mentores experientes, acesso a ferramentas inovadoras e várias outras atividades de enriquecimento profissional e comercial.

Uma vez selecionadas, as 90 empreendedoras receberão apoio de infraestrutura técnica e tecnológica para que possam acompanhar integral e ativamente toda a programação da AWE-Brasil 2.0.

O empreendedorismo e o empoderamento feminino são partes integrais da política e dos programas bilaterais entre Brasil e Estados Unidos. Ao buscarem oportunidades de fortalecimento do seu potencial econômico, as mulheres contribuem positivamente para uma maior estabilidade, segurança e prosperidade em suas respectivas comunidades e sociedades.