Vendas imobiliárias apresentam crescimento no início de 2021

Redação

vendas no setor imobiliário tiveram aumento na pandemia

Na contramão dos setores de serviços da pandemia da Covid-19, as vendas imobiliárias tiveram apresentaram um crescimento no início de 2021. É o que indica uma pesquisa realizada pelo Instituto Paranaense de Pesquisa e Desenvolvimento do Mercado Imobiliário e Condominial (Inpespar).

De acordo com o instituto, que pertence ao Secovi-PR, a compra de imóveis usados teve um crescimento. O índice chegou a 5,4% em março de 2021, superior ao mesmo período do ano passado, que foi de 3,7%.

Segundo João Felipe Motter Gottschild, presidente da Rede Imóveis, dois fatores contribuíram para o aumento das vendas. “Nesse cenário de pandemia, as pessoas começaram a valorizar áreas maiores de imóveis e de lazer, mais conforto. Paralelo a isso, as taxas de juros e financiamento estavam excelentes, tanto para pessoa que estava buscando um imóvel novo para morar ou para o seu comércio, quanto para investidores que aplicavam dinheiro para ter rentabilidade”, explica.

Já entre os contratos de aluguéis, houve um aumento de desocupações no início da pandemia, principalmente entre os imóveis comerciais, mas os índices de inadimplência não foram tão altos. Uma pesquisa de maio de 2020 do Inpespar apontou que o índice foi de 1,5% para os imóveis residenciais e de 3,5% para os comerciais em Curitiba.

Contudo, o mercado de aluguel já mostra um aquecimento segundo último levantamento divulgado pelo Inpespar referente a novembro de 2020. O número de locações comerciais aumentou 11,4% e de locações residenciais 11,6% em comparação a novembro de 2019.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="771619" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]