Operação Lava Jato
Compartilhar

Lava Jato é o primeiro passo no combate à corrupção, afirma filósofo de Harvard

O coordenador da força-tarefa da Lava Jato, o procurador Deltan Dallagnol, repercutiu nas redes sociais a entrevi..

Jordana Martinez - 17 de janeiro de 2017, 18:36

O coordenador da força-tarefa da Lava Jato, o procurador Deltan Dallagnol, repercutiu nas redes sociais a entrevista publicada pela revista Veja com o filósofo americano Michael Sandel, professor na Universidade de Harvard.

"A #LavaJato é o primeiro passo para o avanço das instituições no combate à #corrupção", publicou o procurador, parafraseando o filósofo.

"A Operação #LavaJato é um divisor de águas no desenvolvimento da democracia brasileira, um marco, mas deve ser vista apenas como um primeiro passo para o avanço das instituições democráticas. A partir de agora, a população que se mobilizou contra a corrupção precisa continuar alerta e vigilante para discutir outros problemas candentes, como saúde, educação e a qualidade dos serviços públicos. Percebo um notável impulso por mudanças no Brasil, o que me deixa otimista. Uma boa democracia requer cobrança permanente sobre todos os poderes."

Veja o post: