Incompetência

Renato Follador


Vem pente fino no INSS, que pode resultar em R$ 7 bilhões a menos de gastos. Estão na mira do atual governo benefícios concedidos há mais de dois anos e que não foram revisados desde então.
Nessa categoria, estão 840 mil auxílios-doença, que consomem R$ 1 bilhão mensalmente, e três milhões de aposentadorias por invalidez, cujo gasto mensal chega a R$ 3,6 bilhões.

Além disso, serão reavaliadas 4,2 milhões de Benefícios de Prestação Continuada. Quanto a este último, uma assistência social, a que têm direito pessoas que recebem de renda menos de um quarto do salário mínimo, são R$ 3,3 bilhões por mês.

Logo, nós estamos falando de cerca de 8 milhões de pessoas que recebem mensalmente benefícios e a última auditoria feita neles, pelo governo federal, foi em 2008. Há 8 anos. Vocês leitores acreditam que todos esses estão doentes, inválidos ou permaneçam na pobreza? Reflitam, até porque quem paga a conta somos nós trabalhadores. Sabem leitores quanto o INSS vai gastar este ano? Pois são R$ 500 bilhões, a maior conta do orçamento federal.

Pergunta: se isso fosse tua empresa e esta a maior despesa dela você não estaria gerenciando com olhos de lince? Até porque qualquer economia, eliminando fraudes, resultaria em muita, mas muita economia. Pois é, não comento política, mas não posso deixar de comentar gestão. Essa Dilma foi realmente muito incompetente.

Consultas sobre finanças e previdência : (41) 3013-1483

renato.follador

Previous ArticleNext Article