Sintonia Fina - Pedro Ribeiro
Compartilhar

Para Richa, APP quer confusão e desgaste político

Em entrevista à Folha de São Paulo, o governador paranaense, Beto Richa (PSDB), fez duras críticas as ocupações de escol..

Pedro Ribeiro - 13 de novembro de 2016, 18:11

Em entrevista à Folha de São Paulo, o governador paranaense, Beto Richa (PSDB), fez duras críticas as ocupações de escolas por estudantes e lamentou a morte de um jovem dentro da escolas. Para ele, há uma luta interna entre partidos de esquerda para "mostrar serviço". A ocupação foi política, sustentou, sinalizando que existe uma participação ativa do Sindicato dos Professores que, para ele, é muito forte e difícil de lidar. “São extremamente políticos”, referindo-se ao sindicato e aos estudantes. Sobre a morte do jovem em que tentaram acusá-lo, foi taxativo: “tive envolvimento zero e não enviamos nenhum policial para a frente das escolas. Deveriam me agradecer. Nas primeira ocupações, gravei um vídeo dizendo que nenhuma disciplina seria eliminada sem falar com eles. Mas era política. Queriam ficar sem aula. Tinha greve dos professores e era interessante para os professores que os alunos ficassem sem aula”.

ANÚNCIO

Para o governador, há um aparelhamento político do sindicato. “Essa última greve, com ocupações de escola, ajudou a mostrar o que aconteceu em 29 de abril . As pessoas começaram a compreender o que os sindicatos querem. Eles querem confusão, querem desgaste político. Querem defender o Lula e a Dilma”.

 pedro.ribeiro