A ironia da vacina

Pedro Ribeiro


Alceo Rizzi

Para efeitos de contribuição nesse festival nonsense, de aberrações, despautérios e delinquências em que o País parece ter se transformado, não deixa de ser sugestiva a iniciativa do senador gaúcho e aliado do governo que tentou intermediar negociação para produção de vacina da covid por laboratórios veterinários. Não que seja tecnicamente impossível, mas no caso da tentativa do senador gaúcho, chama a atenção que ela se daria a partir de laboratórios que fabricam vacina contra a febre aftosa. É o que informa a CPI da Covid no Senado, ironia à parte, ainda que de certa forma pertinente. Não tinha como dar certo! Mesmo sendo eventualmente para ser destinada a um público específico, ou auto aplicável.

 

Alceo Rizzi é jornalista

Previous ArticleNext Article
Pedro Ribeiro, jornalista editor-chefe do Paraná Portal
[post_explorer post_id="784273" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]