Alep inicia nesta terça debates sobre novo pedágio no Paraná

Pedro Ribeiro


A concessão rodoviária no Paraná, cujos contratos terminam em 2021, começa a ser discutida na Assembleia Legislativa com audiência pública nesta terça-feira. Um dos participantes é o deputado federal Ricardo Barros (PP) que estará ao lado de representantes do governo (Agepar), deputados e do setor produtivo. 

Os contratos das concessionárias que administram 2,5 mil quilômetros de rodovias vencem no ano que vem e não serão renovados. Um novo modelo que deve abranger 4 mil quilômetros de rodovias estaduais e federais será licitado pela União.  

Ricardo Barros defende que a licitação seja feita buscando a menor tarifa e não a maior outorga. Recomendações da bancada federal paranaense foram encaminhadas a Empresa de Planejamento e Logística (EPL), órgão contratado pela União para elaborar os estudos de viabilidade da concorrência. 

“A conta está sendo feita num preço que não é o real. O ideal seria fazer a conta certa da tarifa e do investimento pelo preço contratado atualmente, desta forma tendo tarifas menores, com melhor infraestrutura”, disse recentemente em evento em Umuarama. 

A audiência pública esta marcada para às 9h30 no plenarinho e deve reunir, além de deputados estaduais e federais, representes da SEIL,  DER, Agepar, FIEP, FAEP, Feecopar, Fecomércio, Fetranspar, ACP, Faciap e  Ocepar.

Previous ArticleNext Article
Pedro Ribeiro
Pedro Ribeiro é jornalista com passagens pela Gazeta do Povo, Folha de Londrina e O Estado do Paraná. Foi pioneiro com a criação do jornal eletrônico Documento Reservado e editor da revista Documento Reservado. Escreveu três livros e atuou em várias assessorias, no governo e na iniciativa privada, e hoje é editor de política do Paraná Portal.