Bolsonaro chama brasileiros que ficam em casa de idiotas

Redação

Bolsonaro libera mais R$ 5,5 bilhões para compra e produção de vacinas

 

O presidente Jair Bolsonaro surpreende a cada dia que passa com suas declarações insanas. Ao invés de incentivar as pessoas a manterem distanciamento social, como recomendam as autoridades sanitárias do Brasil e do Mundo, vem de encontro e agora disse que as pessoas que ficam em casa durante a pandemia são “idiotas”.

O presidente nivelou por cima e por baixo. Quantos apoiadores receberam a pecha de idiotas, pois há um grande número de brasileiros, preocupados com a Covid, que permanecem em casa, trabalhando em home-office.

Enquanto isso, o Brasil passa de 435 mil morte por Covid.

Ao enaltecer o agronegócio, o único que vai bem no Brasil, Bolsonaro disse que o homem do campo não parou durante a pandemia e, assim, garantiu alimentos para quem deixou de sair às ruas. Mal sabe o presidente que, hoje, o agronegócio brasileiro usa equipamentos tecnológicos de primeira geração, como máquinas e implementos que não precisa de aglomeração de pessoas para o plantio e o cultivo.

“O agro realmente não parou. Tem uns idiotas que até hoje ficam em casa. Se o campo tivesse ficado em casa, esse cara tinha morrido de fome, esse idiota tinha morrido de fome. Daí, ficam reclamando de tudo”, disse Bolsonaro.

A fala ocorreu a apoiadores aglomerados em um cercadinho no jardim do Palácio da Alvorada. A interação foi gravada e transmitida em vídeo editado por um canal bolsonarista.

Crítico de medidas restritivas, Bolsonaro se recusa a usar máscara, promove aglomerações e faz discurso em defesa de medicamentos que não têm comprovação científica contra a Covid, como a hidroxicloroquina.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="764636" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]