Bolsonaro ironiza Maia que responde e o incêndio na Amazônia fica maior ainda

Pedro Ribeiro


 

O presidente Jair Bolsonaro conseguiu, com algumas palavras, incendiar o mundo em relação às queimadas na Amazônia. Várias embaixadas brasileiras estão sendo alvo de protestos de ativistas que defendem a Amazônia. Bolsonaro também fez uma ironia e perguntou a jornalistas, se é verdade que o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ) vai dar R$ 2 bilhões do fundo público de campanha para ajudar a combater incêndios na Amazônia.

Maia respondeu à provocação dizendo: “Minha proposta séria e efetiva, e não fake news, foi peticionarmos junto ao Supremo, pedindo os R$ 2,5 bilhões do Fundo da Petrobrás para o combate às queimadas na floresta. Recursos que estão parados, e poderiam entrar hoje mesmo no caixa do governo”. Segundo o presidente da Câmara,  esses R$ 2,5 bilhões “resolveriam o contingenciamento do Ministério do Meio Ambiente e ainda teríamos recursos para colocar na Educação, a maior parte”.

 

 

Previous ArticleNext Article
Pedro Ribeiro
Pedro Ribeiro é jornalista com passagens pela Gazeta do Povo, Folha de Londrina e O Estado do Paraná. Foi pioneiro com a criação do jornal eletrônico Documento Reservado e editor da revista Documento Reservado. Escreveu três livros e atuou em várias assessorias, no governo e na iniciativa privada, e hoje é editor de política do Paraná Portal.