Cara de capivara e o cirquinho alegre de Bolsonaro

Pedro Ribeiro


 

 

Ao invés de fazer um discurso falando sobre as ações futuras do governo para frear a inflação, o desemprego, o fim da fome que vem vitimando pessoas, desmatamento e outros problemas pontuais do país, o presidente Bolsonaro prefere fazer gracinhas para os aplausos do seu público fiel e para ouvir o coro de “mito “. Isto aconteceu em Ponta Grossa, no final de semana, onde esteve passeando de motocicleta e provocou o presidente da CPI da Covid, senador Omar Aziz, chamando-o de cara de “capivara”. Ao que parece, Bolsonaro não está nem aí com o futuro da nação e sequer sabe a bomba que vai pegar caso seja reeleito. Continua fazendo seu cirquinho.

Previous ArticleNext Article
Pedro Ribeiro, jornalista editor-chefe do Paraná Portal
[post_explorer post_id="801857" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]