Debate na praça mira o prefeito Greca que não compareceu

Pedro Ribeiro


O palco já estava pronto e aos poucos os candidatos foram chegando à Praça Espanha, próxima da casa do prefeito de Curitiba, Rafael Greca, para um inusitado debate entre candidatos a Prefeitura de Curitiba. Oito os 16 candidatos participaram do ato que teve, como tema central, a ausência de Greca nas discussões sobre debates e sabatinas devido à sua posição, até o momento, confortável nas pesquisas de opinião pública.

Para o candidato João Arruda, do MDB, um dos organizadores do encontro, “o prefeito precisa ter humildade para debater conosco, parar com a arrogância e descer do salto alto. Ele tem muitas explicações para dar, a terceirização na área da saúde, os contratos do ICI Informática, do dinheiro que ele deu para as empresas de ônibus e os direitos que ele retirou dos servidores municipais”, disse no calor do movimento democrático.

Além de João Arruda (MDB), participaram os candidatos Paulo Opuszka (PT), Camila Lanes (PCdoB), Fernando Francischini (PSL), Eloy Casagrande (Rede), Professor Mocellin (PV), Letícia Lanz (Psol) e Professora Samara (PSTU). Ausências notadas de Carolina Arns (Podemos), Goura (PDT), João Guilherme (Novo), Zé Boni (PDC), Cristiane Yared (PL) e Diogo Furtado (PCO).

Greca não compareceu ao debate e sua assessoria também não informou os motivos. Na Band ele não foi porque estava se recuperando da covid e agora certamente porque sabia que seria o alvo de todos.

Previous ArticleNext Article
Pedro Ribeiro
Pedro Ribeiro, jornalista editor-chefe do Paraná Portal