Em defesa das policiais vítimas do “Doutor Bacana” absolvido pela justiça

Pedro Ribeiro


As associações que representam os policiais e bombeiros militares do Paraná vão defender as policiais femininas que foram vítimas de assédio do então Tenente-coronel médico Fernando Dias Lima, conhecido como “Doutor Bacana”.

No dia 24 de junho, ele foi absolvido pela Justiça Militar da acusação de atentado violento ao pudor e assédio sexual contra mais de 40 vítimas.

Uma coletiva com a imprensa será realizada nesta quinta-feira (15),na sede da AVM, quando as entidades irão apresentar um plano de ação e explicar as medidas que serão tomadas para garantir a devida defesa e a proteção das vítimas e suas famílias, e para que a justiça seja efetiva.

As ações serão realizadas pela Associação de Defesa dos Direitos dos Policiais Militares Ativos Inativos e Pensionistas (AMAI), A Associação da Vila Militar (AVM), a Associação dos Oficiais Policiais e Bombeiros Militares do Estado do Paraná (ASSOFEPAR), o Clube dos Oficiais da PMPR, Sociedade Beneficente dos Subtenentes e Sargentos (SBSS) e Associação dos Policiais Militares do Litoral (APML), com o apoio dos assessores jurídicos das entidades.

Coletiva – Assunto: ASSÉDIO “DOUTOR BACANA”
DIA: 15 de julho (quinta-feira) – 9h30
LOCAL: Sede da Associação da Vila MIlitar (AVM)
Rua Santo Antônio, nº 100. Rebouças. Curitiba – PR
Confirme sua presença pelo telefone (41) 99850-6333 (Marisabel)

Previous ArticleNext Article
Pedro Ribeiro, jornalista editor-chefe do Paraná Portal
[post_explorer post_id="775527" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]