Empresário aposta no crescimento e desenvolvimento sustentável do litoral com ações do governo Ratinho Junior

Pedro Ribeiro

 

 

A discussão em torno da extinção ou não do Conselho de Desenvolvimento Territorial do Litoral Paranaense – Colit – vem preocupando empresários, líderes classistas e gestores dos municípios litorâneos. O tema está na mesa do governador Ratinho Junior que ainda não se pronunciou em relação ao assunto e encaminhou aos órgãos competentes para análise. Para o empresário Alfredo Parodi, que participou como secretário-executivo do Colit na gestão do governo anterior, “é arriscado uma devassa neste momento, já que o Conselho do Litoral tem contribuído significativamente com a aprovação de demandas, como plano diretor de Pontal do Paraná, licença ambiental para atividades de infraestrutura e desenvolvimento, como sistema de esgoto sanitário, dragagem e manutenção do calado do Canal do DNOS e licença para construção do Centro de Reabilitação de Fauna Marinha, vinculada à Universidade Federal”.

O empresário destaca ainda a licença para a construção do Shopping Ilha do Mel, em Paranaguá, e a participação efetiva do órgão para a construção da Faixa de Infraestrutura em Pontal do Paraná, além da construção do Porto Pontal do Paraná (Porto 3P) e a construção da nova rodovia que ligará a Praia de Leste a Pontal do Paraná.


O Colit, segundo Parodi, tem tido uma efetiva participação nas discussões dos problemas do litoral paranaense, em especial junto aos sete municípios que, em carta ao órgão, destacam sua atuação em benefício do crescimento e desenvolvimento do litoral. “É preciso que se faça uma revisão nas leis estaduais sobre meio ambiente que são restritivas, mas a extinção do Colit, criado em 1984, pode acarretar em transtornos, já que há uma vontade política dos governos federal e principalmente estadual em contribuir para a infraestrutura e desenvolvimento do nosso litoral”, pontua Parodi.

Parodi acompanha há mais de duas décadas as demandas do litoral paranaense e, como morador de Pontal do Paraná, vem desenvolvendo projetos e ações em busca de melhorias para o município que conta hoje com perto de 30 mil pessoas, a maioria instalada em Praia de Leste. O empresário do ramo hoteleiro e com experiência em gestão pública com quatro anos de atuação no Colit, não esconde seu desejo político de vir a administrar o município de Pontal do Paraná por entender que existem oportunidades de crescimento e desenvolvimento, principalmente com a construção do Porto e da nova rodovia. “Temos certeza de que o governador Carlos Massa Ratinho Junior olhará com mais atenção para o nosso litoral, às nossas prefeituras, porque só com o apoio governamental poderemos crescer e desenvolver com qualidade de vida às pessoas que residem no litoral e aos turistas que nos visitam”.

 

Post anteriorPróximo post
Pedro Ribeiro
Pedro Ribeiro é jornalista com passagens pela Gazeta do Povo, Folha de Londrina e O Estado do Paraná. Foi pioneiro com a criação do jornal eletrônico Documento Reservado e editor da revista Documento Reservado. Escreveu três livros e atuou em várias assessorias, no governo e na iniciativa privada, e hoje é editor de política do Paraná Portal.