Erros em cima de erros na prisão de deputado odioso

Pedro Ribeiro


O  futuro do deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ) será decidido neta sexta-feira em reunião deliberativa da Câmara dos Deputados. A tendência é que se mantenha a prisão do parlamentar. A decisão de convocar a sessão para sexta foi tomada após reunião entre o presidente da Câmara, Arthur Lira (Progressistas-AL) e líderes de partidos. Silveira está preso por atentado à democracia e incitar a violência.

Silveira está preso desde a noite de terça-feira, 16, por ordem do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, por ameaça e incitação à violência.

O senador paranaense, Oriovisto Guimarães (Pode) reagiu com indignação à prisão do deputado federal, Daniel Silveira e com a decisão monocrática do Supremo Tribunal Federal (STF). “É uma tristeza ver a situação em que o Supremo Tribunal Federal esta se colocando. Ele foi, ao mesmo tempo o promotor, o acusado, a vítima e o julgador. Não tem nenhum cabimento jurídico o que estão fazendo. O deputado agiu mal, está errado e o STF agiu mal e também está errado.  Quem deveria processar o deputado é a Procuradoria Geral da República e ai sim o STF poderia decretar  a prisão preventiva do deputado. Um erro combatido  com outro erro. Que tristeza”, pontuou o senador em entrevista à Jovem Pan.

Para o senador Alvaro Dias (Pode), houve dois erros neste episódio. ” O deputado Daniel Silveira errou ao produzir um vídeo que afronta a democracia e o ministro Alexandre de Moraes também errou. Deveria mandar retirar o vídeo da internet e deixasse que a Câmara Federal abrisse um processo de quebra de decoro parlamentar. Alvaro foi além, ao sugerir uma mudança do atual sistema do STF e que “os ministros não fossem escolhidos por indicações políticas e sim por meritocracia”.

 

 

Previous ArticleNext Article
Pedro Ribeiro, jornalista editor-chefe do Paraná Portal
[post_explorer post_id="746205" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]