Fábrica de projetos, infraestrutura ao agronegócio e foco na segurança pública, são propostas de Ratinho Junior

Pedro Ribeiro


 

Fugindo dos discursos convencionais como mais saúde, escola e segurança pública, o que já cansou o desacreditado eleitor, o pré-candidato ao Governo do Estado, deputado Ratinho Junior (PSD), propõe, em seu plano de governo, uma gestão mais empresarial, principalmente ao agronegócio que movimenta a economia paranaense e o desenvolvimento de projetos para captação de recursos e consequente investimentos nacionais e internacionais.

Em entrevista ao Band Paraná, com trechos publicados no jornal Metro, Ratinho Junior mostrou madurecimento em relação a uma gestão estadual fruto, segundo sua assessoria, de um estudo de mais de dois anos, onde vem mapeando palmo a palmo as reais necessidades e as fontes que possam alimentar um Paraná melhor. Começa, para ele, por um planejamento que norteie os rumos a serem tomados, desde a infraestrutura para o agronegócio como a eliminação de supérfluos dentro do governo.

O que chama a atenção nas propostas do candidato é o que, hoje, tira o sono da população: segurança pública. Para tranquilizar os paranaenses, promete criar a Cidade da Polícia no Palácio das Araucárias (sede do governo em Curitiba), programas Olho Vivo, com centrais de monitoramento por câmeras, o Muralha, de defesa das fronteiras, contra o contrabando de armas e drogas e o Escola Segura, que colocaria policiais aposentados para cuidadas das escolas.

Paraná do próximo governador

As propostas do candidato surge no momento em que o jornal Valor Econômico faz uma radiografia do Estado sustentando que o Paraná cresce mais que a média nacional e que estaria com as contas públicas em ordem. O PIB paranaense é de R$ 415,79 bi, com uma evolução de 2,5% e participação de 6,35% no PIB nacional. O Paraná possui um PIB per capta de R$ 33.960,36, segundo o IBGE IDHM de 0,749 (resultado de 2015). (Dados são do Ipardes). Segundo o Valor Econômico, a taxa de desemprego no Paraná recuou para 8,3% no final de 2017 e no primeiro quadrimestre de 2018 foram criadas 36.731 vagas em todo o Estado.

Previous ArticleNext Article
Pedro Ribeiro, jornalista editor-chefe do Paraná Portal
[post_explorer post_id="533037" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]