Fila na praça de pedágio da BR 277 sentido Curitiba-praias. Boicote ou operação tartaruga

Pedro Ribeiro


Corrigimos a informação da nota abaixo: esta  praça de pedágio será liberada à partir das 23h59 minutos deste sábado. Portanto, tem razão o leitor que disse que estava havendo boicote ou operação tartaruga por parte da concessionária o que resultou na enorme fila

No primeiro dia da abertura das cancelas das praças de pedágio, os usuários da BR 277, direção Curitiba-litoral, experimentaram, das sete às nove horas, uma longa fila na praça de pedágio em São José dos Pinhais. Foram perto de 40 minutos de espera em mais de sete quilômetros de fila, relata o motorista Reinaldo de Freitas. Ele suspeita de boicote, pois as cancelas demoravam para abrir, até que chegou a Polícia Federal. O estranho é que, segundo o governador Ratinho Junior, as “cancelas deveriam ficar abertas”, portanto, sem cancelas. Este é o início de um longo processo que poderá ser a solução como, também, um pesadelo. E o ferry-boat teve que parar no meio da travessia, na quinta-feira, devido à falta de combustível, conforme informou uma usuária. Por mais que se esforce nesta questão, Ratinho Junior será, sempre, o responsável, inclusive com ônus político.

Previous ArticleNext Article
Pedro Ribeiro, jornalista editor-chefe do Paraná Portal
[post_explorer post_id="806701" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]