Galeras de xepas de feira

Pedro Ribeiro


Alceo Rizzi

O ódio irrefletido têm dessa coisa, a de motivar a volatilidade agressiva dos instintos que transitam provisória e circunstancialmente de um lado para o outro, por desleixo apenas ou por incapacidade de dar à razão alguma forma de organização. É comodo, por deliberação ao que pouco se consegue compreender, motivados por expressāo de síndrome de alguma ignorância cognitiva e congênita, ou apenas singela manifestação e reconhecimento de voluntária ou involuntária insignificância. Há uma Galera que míngua a cada dia, mas que sobrevive, ainda em febris delírios e tenta manter exponencial capacidade de se destacar, pela agressividade inócua e manipulada. Amanhã ou depois, terão dado aos seus instintos outra utilidade, a mesma que se dá às xepas de feiras. Não utilizam argumentos porque não conseguem, vociferam em contraponto ao universo que lhes parece incompressível, pela natureza do que sempre foram. A estupidez e a ignorância é o que lhes bastam. Assim parecem, acostumados ao que são. É quando se contentam, cheios de razão.

Alceo Rizzi é jornalista

Os artigos de opinião aqui publicados são de responsabilidade de seus autores.

Previous ArticleNext Article
Pedro Ribeiro
Pedro Ribeiro, jornalista editor-chefe do Paraná Portal
[post_explorer post_id="767397" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]