Governo começa tirar laranjas podres do cesto

Pedro Ribeiro


 

O presidente Michel Temer (PMDB), que vê seu governo virar água, segundo pesquisas de opinião, muda a estratégia para conseguir aprovar a reforma da Previdência. Começa a jogar pesado contra os que chama de “traíras”, que negociam cargos e votam contra.

Nesta segunda-feira, o ministro da Secretaria de Governo, Antonio Imbassahy, afirmou que o governo vai fazer “os necessários ajustes” para evitar uma contaminação na base que amplie a dificuldade em torno da reforma da Previdência. “É preciso tirar a laranja podre do cesto”, disse ele, antes da reunião de ontem com Temer, no Alvorada.

E hoje, terça-feira, o afilhados políticos de deputados que votaram contra a reforma trabalhista começam a ser exonerados pelo governo Michel Temer.

Ainda durante a reunião com ministros, Alvorada, o presidente Michel Temer disse que quem está com o governo tem bônus, mas também ônus e avisou que será preciso dar o exemplo, com cortes de cargos, para impedir que novas traições prejudiquem a votação da reforma da Previdência.

Temer, que já vem sofrendo com políticos ligados a Lula, não quer mais desgaste. Ele entende que, com as reformas, a economia vai andar e o país terá condições de gerar mais empregos. Também em entrevista o presidente garantiu que odos os trabalhadores terão seus direitos preservados, mas que é necessário fazer a reforma da Previdência.pedro.ribeiro

Previous ArticleNext Article
Pedro Ribeiro, jornalista editor-chefe do Paraná Portal
[post_explorer post_id="487857" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]