Guto Silva entrega documento nada bom para a Assembleia Legislativa

Pedro Ribeiro

Guto Silva testa positivo para Covid-19 e cumpre isolamento em casa

 

Ficou a cargo do chefe da Casa Civil, Guto Silva, de dar a notícia ruim para a Assembleia Legislativa e aos paranaenses. O Executivo Estadual terá que se desdobrar no próximo ano, pois a previsão é de um déficit de R$ 4,3 bilhões. O resultado dessa contabilidade é fruto dos efeitos da pandemia da Covid-19 sobre a atividade econômica que derrubaram a previsão de arrecadação com Impostos, Taxas e Contribuições. A receita total prevista é de R$ 48,3 bilhões no ano que vem, ante uma despesa total de R$ 52,6 bilhões. É o retrato em preto e branco da Lei Orçamentária Anual (LOA).

O maior responsável pela conta no vermelho é a queda de arrecadação que impactará sobre o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), tributo mais relevante para a composição do caixa do Estado. A previsão é de uma arrecadação de R$ 33 bilhões de ICMS, 7,6% menor em relação à estimativa contida na LDO 2021, de R$ 35,7 bilhões. Uma queda, portanto, de R$ 2,7 bilhões em relação ao cenário sem pandemia.

Retornamos à realidade de dois anos atrás em relação à arrecadação de ICMS. Uma quebra considerável, de R$ 2,7 bilhões, que em dois anos já ultrapassa R$ 6 bilhões. O cenário não é positivo, pelo contrário, é grave e complexo. Buscamos soluções diariamente para reverter o quadro”, comentou Guto Silva.

Vivemos um momento de pandemia econômica em razão da pandemia sanitária. O foco é combater qualquer tipo de desperdício. Cortar na carne para manter as contas em dia”, prevê o chefe da Casa Civil.

Mas, como todo governo não deve jogar a toalha e encontrar solução aos problemas, o Governo do Paraná aposta no aumento no nível de investimento público para fomentar a retomada econômica e manter a geração de empregos. A LDO 2022 estima em R$ 4,57 bilhões o montante a ser destinado para investimentos, um crescimento de 75% em relação ao previsto na LDO 2021 (elaborada antes do início da pandemia).

Com as contas em dia podemos captar recursos e fazer os investimentos necessários. Especialmente em infraestrutura, o que gera emprego em curto e médio prazo e ajuda na retomada econômica”, disse Silva.

 

Previous ArticleNext Article
Pedro Ribeiro
Pedro Ribeiro, jornalista editor-chefe do Paraná Portal
[post_explorer post_id="758691" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]