Igrejas para todos os credos, inclusive coice no capeta

Pedro Ribeiro


 

Jornalista e escritor Aceo Rizzi escreve em sua página no face uma crítica que, na minha opinião,  todos gostariam de fazer em relação a movimentos religiosos, em especial às igrejas,  depois que o presidente Jair Bolsonaro anunciou mais subsídios aos templos e seus ricos proprietários.

“Igrejas de todas as denominações religiosas já são isentas de impostos sobre contribuições dos fiéis. Elas pintam e bordam, fazem de seus cultos verdadeiras feiras de mascates onde se vende todo tipo de quinquilharias abençoadas. Toda arrecadação entra como dízimos, não tributáveis. Dados oficiais divergem, mas estima-se que mais de três igrejas são criadas ou abertas no Brasil a cada dia, com denominações das mais bizarras, como a tal Igreja Sertaneja Coice no Capeta. Sem falar nos edires da vida. Não há empreendimento que dê mais lucro. Agora, se depender da vontade do presidente, podem ter energia elétrica subsidiada. Ele já encomendou minuta ao Ministério das Minas e Energia, para a contrariedade da equipe econômica. O capeta que se cuide, vai ser no choque daqui pra frente”.

Previous ArticleNext Article
Pedro Ribeiro
Pedro Ribeiro, jornalista editor-chefe do Paraná Portal