Jornalismo de coração e alma e as meninas premiadas do Paraná Portal

Pedro Ribeiro


Em novembro deste ano completei 40 anos de jornalismo e, durante este período, não arredei pé da redação. Só na Gazeta do Povo foram 24 anos como repórter e editor. Hoje estou na editoria política do Paraná Portal, tentando acompanhar a evolução do jornalismo pela internet onde, as vezes, me atrapalho com a enxurrada de besteiras que rolam nas redes sociais e que chamam de jornalismo.

“Sem jornalismo público, independente e qualificado, o futuro da democracia é incerto e preocupante. O jornalismo precisa recuperar a vibração da vida, o cara a cara, o coração e a alma”, disse, esta semana, o professor de jornalismo Carlos Alberto Di Franco em artigo que prega a volta do jornalismo tradicional, da pauta, das ruas, das pesquisas, sim, do coração e alma.

Também fico com Humberto Ecco na obra Número Zero: “Não são as notícias que fazem o jornal, mas o jornal é que faz as notícias, e saber juntar quatro notícias diferentes significa propôr ao leitor uma quinta notícia”.

Mas, não podemos fugir da realidade. Portanto, abro espaço na minha coluna de hoje, normalmente voltada a assuntos de política e economia, para reverenciar duas jovens jornalistas, as quais tenho a honra de dividir espaço com elas na redação do Paraná Portal.

Lorena Malucelli Pelanda, chefe de redação da rádio Band News Curitiba, onde atua há 11 anos e colaboradora do Caderno Gente deste Portal, acaba de ser eleita ou reconhecida como uma das jornalistas mais premiadas da imprensa brasileira, segundo o Ranking Jornalistas & Cia dentro da edição “Os Mais Premiados”.

Lorena Malucelli Pelanda e Felipe Harmata, seu colega de Band News, acabam de ganhar o Prêmio Fiep de Jornalismo 2016 com a reportagem “Bússula de Inovação”, uma ferramente da Federação das Indústrias que procura dar um norte aos empresários dispostos a investir em tecnologias ou serviços. Lorena, a qual podemos ouvi-la diariamente na Band News, é uma jornalista dedicada que apura com propriedade a notícia para transmiti-la ao grande público ouvinte da rádio. Aqui no Portal é responsável pela agenda cultural.

Andreza Paula Rossini, menina ainda, acaba de se formar em jornalismo pela UniBrasil, nosso talismã e meu anjo da guarda aqui na redação. Sabe tudo sobre redes sociais, já tem um texto de gente grande e, ainda estagiária, ganhou o Prêmio Sangue Novo do Jornalismo instituído pelo Sindicato dos Jornalistas do Paraná. Estréia como escritora com o livro Dar à Luz – Histórias sobre partos.

pedro.ribeiro

Previous ArticleNext Article
Pedro Ribeiro, jornalista editor-chefe do Paraná Portal
[post_explorer post_id="487588" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]