Na ONU que cobra vacina, o que Bolsonaro falará se não se vacinou?

Pedro Ribeiro

Bolsonaro assina MP para limitar remoção de conteúdos das redes sociais

 

 

Amanhã, terça-feira (21), o presidente Jair Bolsonaro enfrentará os leões na ONU e a expectativa é a de como será seu discurso, onde o tema central é vacina contra Covid e outras enfermidades, se ele, Bolsonaro, não tomou vacina, ou seja, se recusa a se imunizar? 

Deve tentar mostrar aos integrantes da ONU que o Brasil, apesar de quase 700 mil mortes pela Covid, avançou na vacinação ou dará destaque às mesmas sandices de sempre, com críticas ao Supremo Tribunal Federal e `s perseguições que seus filhos de zero a zero quatro sofrem.

 

No final deste mês Bolsonaro comemora 1000 dias de governo e pouco pode falar sobre ações efetivas de seu governo como, por exemplo, combate ao desemprego, inflação, orçamento, desmatamento da Amazônia  e uma pauta de crescimento e desenvolvimento. Até agora só provocou confusão.

 

Previous ArticleNext Article
Pedro Ribeiro, jornalista editor-chefe do Paraná Portal
[post_explorer post_id="791151" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]