Oriovisto defende renovação na mesa diretora do Senado e voto aberto

Pedro Ribeiro

 

Estreante no Congresso Nacional, o professor Oriovisto Guimarães, eleito senador pelo Paraná, postou em sua rede social que lamenta a decisão pelo voto secreto no Senado na escolha do novo presidente da casa e se declarou a favor do voto aberto e da transparência parlamentar frente aos seus eleitores.

A origem do voto secreto para a escolha dos representantes do povo tem por base a proteção do indivíduo contra os poderosos que poderiam pela força prejudicar aqueles que tivessem opiniões diferentes das suas. Neste caso o voto secreto é importante. Outra coisa muito diferente é um representante do povo (um parlamentar) pretender votar, no parlamento, decisões importantes que afetam a vida de todo o povo e fazer deste voto um segredo para o povo. Isto é um absurdo, é a verdadeira negação da democracia. O voto secreto no parlamento só interessa aos vampiros que sugam o sangue da nação brasileira e só podem sobreviver nas trevas do anonimato”.

No início de fevereiro haverá eleição para os cargos de Mesa Diretora do Senado Federal, eu sou favorável à renovação e ao critério de que o próximo presidente não deve estar respondendo a nenhum processo. Meu voto será nesse sen


Post anteriorPróximo post
Pedro Ribeiro
Pedro Ribeiro é jornalista com passagens pela Gazeta do Povo, Folha de Londrina e O Estado do Paraná. Foi pioneiro com a criação do jornal eletrônico Documento Reservado e editor da revista Documento Reservado. Escreveu três livros e atuou em várias assessorias, no governo e na iniciativa privada, e hoje é editor de política do Paraná Portal.
Comentários de Facebook