Para deputado, fim do pedágio é, também, fim de um pesadelo de 24 anos

Pedro Ribeiro



Para o deputado Luiz Cláudio Romanelli “o encerramento das atuais concessões rodoviárias na semana que vem – dia 27 – é o fim de um pesadelo de 24 anos”.  Terça-feira, haverá audiência pública da Frente Parlamentar sobre os Pedágios, onde será apresentado um estudo técnico sobre o fim dos contratos. Romanelli é um dos parlamentares que mais lutou contra o pedágio no Paraná.

Segundo ele, o trabalho foi realizado pelo Instituto Tecnológico de Transportes e Infraestrutura, da Universidade Federal do Paraná, que levantou o passivo de obras e projetos não realizados pelas concessionárias que operam no estado. A audiência será a partir das 9h30 e poderá ser acompanhada pelos canais digitais do legislativo e pela TV Assembleia.

O levantamento, adianta Romanelli, poderá ser usado inclusive para futuras ações judiciais contra as empresas. “É um documento onde fica claro o que deixou de ser cumprido pelas concessionárias. As concessionárias deixaram um rastro de obras não realizadas ou parcialmente executadas”, pontuou.

Romanelli destaca ainda que a Frente Parlamentar deverá realizar novas audiências para tratar da modelagem da futura concessão. O processo foi encaminhado na semana passada ao Tribunal de Contas da União (TCU) pelo Ministério da Infraestrutura e pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).

“Entendemos que ainda há temas controversos nesta nova modelagem que precisam ser debatidos com a sociedade”, afirmou. Romanelli cita que os municípios não sabem exatamente quais são as obras previstas para seus territórios. “Vamos encerrar o período de cobrança de um pedágio abusivo e precisamos retomar as discussões sobre a nova concessão para que tenhamos tarifas justas”.

Previous ArticleNext Article
Pedro Ribeiro, jornalista editor-chefe do Paraná Portal
[post_explorer post_id="804118" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]