Presidenciáveis criticam Bolsonaro ao debaterem os desafios do Brasil

Pedro Ribeiro

bolsonaro, jair bolsonaro, tcu, cpi, covid, covid-19, coronavírus

 

Com Lula esfregando as mãos após decisão do Supremo Tribunal Federal que o deixou elegível, outros possíveis candidatos à sucessão de Jair Bolsonaro também colocaram os blocos na rua. Em reunião virtual, neste sábado, para debater os desafios do Brasil, potenciais candidatos ao Palácio do Planalto fizeram duras críticas ao presidente Bolsonaro e à conduta do governo federal na gestão da pandemia e em áreas sensíveis ao desenvolvimento do País, como meio ambiente, relações exteriores e educação.

Participaram do debate o ex-ministro da Fazenda Ciro Gomes (PDT), os governadores João Doria (PSDB-SP) e Eduardo Leite (PSDB-RS), o ex-prefeito Fernando Haddad (PT) e o apresentador de TV Luciano Huck.

Eles encerram a sétima edição da Brazil Conference at Harvard & MIT, evento organizado pela comunidade de estudantes brasileiros de Boston (EUA), em parceria com o Estadão. Quase sempre unidos em críticas ácidas ao presidente da República, eles também falaram em “convergência” num projeto de País e para derrotar Bolsonaro na eleição de 2022. 

Todos destacaram que é preciso “curar as feridas provocadas pela polarização política”. Em clima de cordialidade, os cinco possíveis candidatos ao Planalto listaram uma série de características do governo Bolsonaro consideradas antidemocráticas, como o enfrentamento às decisões do Judiciário e às tentativas de interferir nas polícias militares estaduais.(Estadão) 

Previous ArticleNext Article
Pedro Ribeiro
Pedro Ribeiro, jornalista editor-chefe do Paraná Portal
[post_explorer post_id="758407" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]