Que faça, antes, a lição de casa

Pedro Ribeiro


 

O anúncio de investimentos da ordem de R$ 50 milhões à área da saúde nos 399 municípios paranaenses, incluindo a capital, Curitiba, feito nesta segunda-feira pelo governador Carlos Massa Ratinho Junior pode servir de resposta aos ataques da secretária da Saúde do Município de Curitiba, Márcia Huçulak, às ações e ao trabalho do secretário de Estado da Saúde, Beto Preto, nas redes sociais.

Os funcionários da SESA e o alto escalão do Palácio Iguaçu ainda não conseguiram identificar os motivos das agressões feitas pela secretária municipal, a não ser pelas ligações estreitas que ela tem com o ex-secretário da Saúde e hoje deputado estadual, Michele Caputo.

Há, entretanto, quem sugere que pode ser o início de uma jogada política na tentativa de desestabilizar o relacionamento, até hoje perfeito, entre o governador Ratinho Junior e o prefeito da capital, Rafael Greca, já que no ano que vem haverá eleições.

Ou como deve estar pensando com seus botões, inspirado no poeta do absurdo, o paraibano Zé Limeira quando disse, no final de um de seus versos: “mas que diabos fizemos eu”. Bem, os ataques, levianos, sem fundamentos, servem apenas para estimular futricas nos bastidores da política e em nada contribuem para auxiliar na melhoria da área da saúde de Curitiba e de todos os municípios paranaenses.

Neste caso, seria interessante que a secretária municipal faça, antes, a lição de casa, ou seja, no quintal da própria casa.

Previous ArticleNext Article
Pedro Ribeiro
Pedro Ribeiro é jornalista com passagens pela Gazeta do Povo, Folha de Londrina e O Estado do Paraná. Foi pioneiro com a criação do jornal eletrônico Documento Reservado e editor da revista Documento Reservado. Escreveu três livros e atuou em várias assessorias, no governo e na iniciativa privada, e hoje é editor de política do Paraná Portal.