Racha na eleição para o Corpo Consular no Paraná

Pedro Ribeiro


Grupo de cônsules honorários, que representa vários países no Paraná, está está insatisfeito com o processo eleitoral para as eleições à presidência do Corpo Consular do Paraná, presidido pelo cônsul da República Dominicana, Thomas Amaral Neves, que está na cadeira há quatro anos. O cônsul honorário da Hungria, Marco Aurélio Schecino de Lima, candidato pela chapa Renovação, reivindica maior transparência no processo de eleição e sugere a constituição de uma comissão para dirigir os trabalhos da votação que acontecerá no dia 28 de maio. Segundo ele, 21 dos 40 cônsules honorários no Paraná já manifestaram descontentamento com a condução anterior da eleição, onde houve alterações do estatuto sem consulta prévia a todos os membros do Corpo Consular.

Previous ArticleNext Article
Pedro Ribeiro, jornalista editor-chefe do Paraná Portal
[post_explorer post_id="618477" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]