Sintonia Fina
Compartilhar

Revolução jovem compromissada com destinos do Paraná

 Secretário Guto Silva quer assento no Senado Federal. Depois o Palácio Iguaçu No Paraná, uma corrente ..

Pedro Ribeiro - 29 de novembro de 2021, 20:11

 

ANÚNCIO

Secretário Guto Silva quer assento no Senado Federal. Depois o Palácio Iguaçu

 

No Paraná, uma corrente de jovens políticos, governador Ratinho Junior é um dos elos, vem rompendo mesmices de iniciativas previsíveis de administradores municipais e estaduais e estão assumindo protagonismo com propostas inovadoras. Eles surgem de uma revolução política silenciosa, baseada em estudos, dever ético com ações construtivas de gestos de solidariedade.

ANÚNCIO

Esses jovens políticos têm dado as costas à guerra estúpida e nociva entre esquerda e direita, que a cada dia se acentua, sem trégua, sem racionalidade e em grau de perigoso. Não compactuam com argumentos rasos e delirantes e buscam estudar o seu Estado, seu país, antes de se comunicar aos rebanhos submissos e acéfalos de seus próprios partidos.

Engrossam e fortalecem essa corrente, um grande número de deputados estaduais que brotam nos corredores da Assembleia Legislativa. Entre eles, destacamos, hoje, o secretário-chefe da Casa Civil do Governo do Estado, Guto Silva, que, na sua espinhosa função tem se submetido ao mais rigoroso teste de paciência, tolerância e força de caráter.

Entre versos poéticos, rock and roll, baquetas, projetos, planejamento, compliance e tapinhas nas costas, vai traçando e trilhando seu caminho, numa travessia que objetiva alcançar uma das torres do Congresso Nacional, a do Senado Federal. Tem encontrado pedras no caminho e sabe que a luta não será fácil. Mas é disciplinado e enxerga um horizonte promissor. Pretende descer um andar no Palácio Iguaçu.

Quem está pavimentando esta estrada para Guto Silva é o governador Ratinho Junior que tem dado palanque ao jovem deputado e fiel escudeiro. Uma justa moeda de troca, porque o então deputado assumiu a linha de frente da campanha de Ratinho Junior rumo ao Palácio Iguaçu e permanece na fileira até hoje para sua reeleição. Lealdade, fidelidade e obediência.

Uma frase que o ouvi dizer: “nós não podemos inviabilizar o futuro de gerações e muito menos dar as costas à sociedade”.