Ruas pedem saída de Renan e, em Curitiba, criticas a Requião e Gleisi

Pedro Ribeiro


A volta da população às ruas acendeu luz amarela no Palácio do Planalto. Embora o protesto tenha sido contra a Câmara dos Deputados que remendou o projeto das 10 medias contra a corrupção e tentou engessar juízes e promotores sob o argumento do abuso de poder, o alvo principal foi o presidente do Senado Federal, Renan Calheiros, réu no Superior Tribunal Federal. Em praticamente todas as cidades, faixas pediam a saída de Calheiros do Senado e, em Brasília, os manifestantes colocaram cartazes com desenhos de ratos no espelho d’água do Congresso Nacional simulando que a Câmara dos Deputados estava infestada de ratos. Em Curitiba, cartazes contra os senadores Roberto Requião e Gleisi Hoffmann estavam distribuídos entre os milhares de manifestantes que foram às ruas.

Enquanto Lula e Dilma foram aos funerais de Fidel Castro, em Cuba, o presidente Michel Temer participou das cerimônias em Chapecó.pedro.ribeiro

Previous ArticleNext Article
Pedro Ribeiro
Pedro Ribeiro, jornalista editor-chefe do Paraná Portal