Safra recorde e melhoria na vida do campo

Pedro Ribeiro


 

O secretário da Agricultura e Abastecimento do Governo do Estado, Norberto Ortigara, deu uma injeção de ânimo nos produtores rurais de Morretes, litoral paranaense, ao afirmar que o governo quer estar ao lado dos agricultores cooperados ou não, oferecendo recursos financeiros e apoio técnico para que todos tenham melhor qualidade de vida. Foi durante a abertura, nesta sexta-feira, da 34ª Festa Feira de Morretes, na presença do prefeito Osmair Costa Coelho e da vice-prefeita Selma Semler.

Ortigara se referia aos programas sociais que serão executados pelo Governo do Estado em 2017 em benefício dos agricultores familiares. Segundo ele, a Secretaria da Agricultura e Abastecimento está concentrando sua atuação em ações nas áreas mais pobres e vulneráveis do Paraná. A Secretaria já comprou nove Patrulhas Rurais, que vão conservar as estradas dos 132 municípios atendidos pelo programa Pró-Rural, financiado pelo Banco Mundial, em regiões de baixo Índice de Desenvolvimento Humano.
“Queremos ajudar a melhorar a vida no campo, através do trabalho e destaco aqui o Fundo de Combate à Pobreza, que trata da inclusão produtiva do agricultor em situação de vulnerabilidade. Para isso, disse que a Secretaria de Agricultura conta com um serviço de identificação de famílias do meio rural que vivem em condições de miserabilidade. Quando identificadas, estas famílias são assistidas pelo programa Família Paranaense. “Nossos técnicos identificam essas famílias e projetam os investimentos necessários em suas casas, desde o mais básico, que é ter um banheiro na residência, até a orientação para que façam uma horta e passem a ser fornecedores dos programas de Governo, para que tenham renda garantida”, explicou.

Ao participar da abertura da 34ª Festa Feira de Morretes, Ortigara também destacou que o Paraná está colhendo safra recorde de 19 milhões de toneladas, volume nunca antes colhido no Estado.

Com essa reavaliação para a soja, o Departamento de Economia Rural (Deral) estima uma colheita de 23,6 milhões de toneladas de grãos para a safra de verão (soja, milho e feijão), volume 16% acima do ano passado, quando foram colhidos 20,25 milhões no mesmo período.pedro.ribeiro

Previous ArticleNext Article
Pedro Ribeiro, jornalista editor-chefe do Paraná Portal
[post_explorer post_id="487854" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]