Senador Oriovisto denuncia escândalo do Fundo Eleitoral

Pedro Ribeiro

senador oriovisto guimarães

 

O senador paranaense, Oriovisto Guimarães (Pode), uma das raras vozes que condena, no Congresso Nacional, a velha política do toma la da cá e das manobras em benefícios de poucos e não de interesse da sociedade brasileira como um todo, acaba de descobrir mais um escândalo: Fundo Eleitoral.

Guimarães relata que o dinheiro aprovado pelo governo para a campanha de partidos políticos que antes era para ser de R$ 3,8 bilhões e acabou ficando em R$ 2,34 bilhões terá que ser financiado porque o governo não tem estes recursos. “O governo terá que tomar emprestado R$ 1,7 bilhão para financiar o fundo”, disse.

Para o senador, isso é “vergonhoso, porque se o governo não tem dinheiro, que não sustente esta máquina política. Isto é uma irresponsabilidade. Vou gritar, vou bater na mesa, para que isto não seja aprovado, embora eu já tenho a certeza que vai passar”, lamentou.

 

Previous ArticleNext Article
Pedro Ribeiro
Pedro Ribeiro, jornalista editor-chefe do Paraná Portal