Tarde festiva na prisão da Polícia Federal 

Pedro Ribeiro


 

A tarde desta terça-feira será festiva na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba. Os senadores Renan Calheiros, Edson Lobão, Roberto Requião, Jorge Viana e Armando Monteiro, estarão visitando o preso mais badalado do Brasil: Luiz Inácio Lula da Silva. Calheiros, ex-presidente do Senado, tem, sobre seus ombros, 11 inquéritos no Supremo Tribunal Federal e oito deles dizem respeito à Operação Lava Jato, um à Zelotes, um a desvio em Belo Monte e outro sobre o caso Mônica Veloso.

Quer dizer: vai orientar Lula a ficar tranquilo, porque, neste país, ninguém é punido. Ou tanto tempo como Lula que já está há 100 dias na prisão. Requião deverá alertar Lula sobre o capital externo que está invadindo e tomando conta da nação. Também usará as palavras da senadora Gleisi Hofmann e da ex-presidente Dilma Rousseff: Lula é preso político…é golpe. Quanto aos outros, bem, os outros…Acho que está na hora de Lula deixar Curitiba.

 

Previous ArticleNext Article
Pedro Ribeiro, jornalista editor-chefe do Paraná Portal
[post_explorer post_id="537068" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]