Temer e o “estar junto e misturado” com Dilma

Pedro Ribeiro


 

Em entrevista à Rádio Bandeirantes e transmitida em rede nacional pela BandNews, o presidente Michel Temer disse que é preciso que se julgue com rapidez a questão da chapa Dilma-Temer e rechaçou a ideia de “estar junto e misturado” com a ex-presidente.

Segundo ele, suas contas foram prestadas separadamente e foram julgadas em conjunto. “O problema não é da aplicação de recurso, mas da arrecadação, se foi lícita ou ilícita. E eu digo que em relação à arrecadação as contas são separadas”, afirmou. 

Enquanto o mundo acha que a justiça estaria empurrando o julgamento com a barriga, Temer pede pressa, pois sustenta que nunca teve “participação em nenhuma bandalheira”.

O presidente disse ainda que a decisão sobre o futuro da ação cabe ao TSE, mas que o ideal é que fosse declarada “a improcedência da ação”. “Isso daria tranquilidade ao País”. “É importantíssimo que se julgue o mais rápido possível, esse é meu desejo”, reforçou.pedro.ribeiro

Previous ArticleNext Article
Pedro Ribeiro, jornalista editor-chefe do Paraná Portal
[post_explorer post_id="487816" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]