VTClog foi contratada 90 dias após saída de Ricardo Barros do Ministério da Saúde

Pedro Ribeiro


 

O deputado Ricardo Barros reafirmou na tarde desta terça-feira, 20, que a empresa VTClog foi contratada pelo Ministério da Saúde 3 meses após sua saída do Ministério da Saúde que ocorreu em 2/4/2018 e o contrato foi firmado em 9/07/18.

“Não tenho qualquer relação com a empresa VTClog. Pelo contrário, em minha gestão à frente do Ministério da Saúde tentei contratar por dispensa de licitação os Correios para toda a logística de medicamentos (aéreo/rodoviário/armazenagem) tendo sido impedido pelo TCU que exigiu licitação”.

Segue link com as informações: bit.ly/3wJWvRG

Segundo estudo feito na época pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA), a centralização reduziria em 20% os gastos de logística

O modelo inédito garante a responsabilização da empresa desde a retirada do produto, nos portos ou aeroportos, o transporte, a armazenagem até a entrega. Assim, responde pelos desvios ou pelo mal acondicionamento do medicamento.

A medida encerrou 15 contratos que prestavam o serviço de forma descentralizada, como de locação de imóveis, manutenção dos equipamentos e mão de obra, limpeza.

A contratação fez parte de um amplo processo de gestão que reviu contratos em todas as áreas do Ministério. Esta e outras ações geraram R$ 5 bilhões em economias que foram reinvestidos diretamente em benefício da população brasileira.

Previous ArticleNext Article
Pedro Ribeiro, jornalista editor-chefe do Paraná Portal
[post_explorer post_id="776844" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]