Padrão (nao usar)
Compartilhar

Nadadores norte-americanos são retirados de voo pela Polícia

A Polícia Federal confirmou na quarta-feira que o nadador Ryan Lochte, que é acusado de mentir sobre um suposto assalto ..

Redação - 18 de agosto de 2016, 01:36

A Polícia Federal confirmou na quarta-feira que o nadador Ryan Lochte, que é acusado de mentir sobre um suposto assalto no Rio de Janeiro deve ser contatado pela polícia norte-americana a pedido da Justiça brasileira. Segundo "O Globo", Lochte viajou na segunda-feira, antes de ter expedida a retenção do passaporte.

Além dele, James Feigen, Gunnar Bentz e Jack Conger ficaram no país até que esclareçam as reais condições do suposto assalto. A juíza Keyla Blank, do Juizado Especial do Torcedor e de Grandes Eventos, foi a responsável por reter os passaportes. Os atletas deverão dar novos depoimentos. Eles são suspeitos de comunicarem falsa ocorrência.

Os depoimentos, segundo a polícia, são contraditórios, pois imagens de câmeras da Vila Olímpica os mostram chegando tranquilamente ao local, fazendo brincadeiras e perto das sete horas, três horas depois de terem prestado o depoimento.