Patrocinados Patrocinado
Compartilhar

Inscrições para Olimpíada de Astronomia e Astronáutica são prorrogadas novamente

Foi prorrogado, mais uma vez, o prazo para escolas públicas e privadas inscreverem seus alunos na 23ª edição da Olimpíad..

Conteúdo patrocinado - 01 de junho de 2020, 15:17

Low angle shot of focused woman typing on laptop. Concentrated mature student studying with laptop at library. Technology, education concept
Low angle shot of focused woman typing on laptop. Concentrated mature student studying with laptop at library. Technology, education concept

Foi prorrogado, mais uma vez, o prazo para escolas públicas e privadas inscreverem seus alunos na 23ª edição da Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA). As inscrições que terminariam ontem (31) poderão ser feitas até o final de junho.

O objetivo de mais uma alteração no calendário da olimpíada, segundo a organização, é fazer com que o maior número de escolas possa participar. Em 2019, participaram da competição 884.979 estudantes oriundos de 9.965 escolas de todos os estados e do Distrito Federal, além de duas do Japão. Um número recorde em todas as edições anteriores.

“Este ano, já tem um pouquinho mais de 20 mil escolas inscritas. Com o tempo de inscrições sendo prorrogado, isso facilitou um acréscimo maior de escolas que acabam sendo informadas”, informou o coordenador nacional do evento e astrônomo da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj), João Batista Garcia Canalle.

Uma nova data para a olimpíada não foi definida porque, segundo o professor Canalle, ainda é prematuro definir uma data diante da pandemia, que também deixa incerto o retorno das aulas nas escolas.

A Olimpíada

A Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica é uma competição realizada em uma única fase, dividida em quatro níveis – os três primeiros para os estudantes do ensino fundamental e o quarto para o médio.

Em seus mais de 20 anos de história, já contou com a participação de 10 milhões de estudantes e, anualmente, distribui cerca de 50 mil medalhas.

Dos melhores rankings da OBA saem os representantes do Brasil nas olimpíadas Internacional de Astronomia e Astrofísica (IOAA) e Latino-Americana de Astronomia e Astronáutica de 2021 (OLAA).

* Com informações da Agência Brasil

Fonte: Agência Educa Mais Brasil