Projeto Escolas Conectadas disponibiliza especializações gratuitas para docentes

Conteúdo patrocinado

São sete cursos 100% virtuais; confira como acessar

O retorno às aulas presenciais em diversas escolas do país já é uma realidade. Com meses tendo o ensino remoto como opção, a volta para as salas de aulas físicas requer atenção a alguns pontos, como restabelecer vínculos entre estudantes e professores, segundo a pesquisa “De volta à escola: estratégias pós-isolamento social”, do Instituto Ayrton Senna.

As dinâmicas de integração, de acordo com o estudo, podem ajudar não apenas a melhorar o clima escolar, mas, também, proporcionar o aprendizado de importantes habilidades socioemocionais como escuta ativa, empatia, comunicação, autoconhecimento e colaboração.

“Para além do retorno físico as salas de aula, os professores precisam pensar como estão a cabeça dos alunos após quase dois anos de aula remota. A expectativa em reencontrar os amigos, a ansiedade por retornar ao espaço onde essas crianças, esses jovens se sentem bem. Por outro lado, o medo de sair de casa, também precisa ser levado em consideração. Por isso, abordar conteúdos e proporcionar momentos de descontração e alegria são essenciais para um retorno tranquilo”, afirma a professora Mariana Gonçalves, 35.

Pensando nisso, a Escolas Conectadas, plataforma de formação continuada, disponibiliza sete cursos para ajudar os educadores no planejamento de uma aprendizagem significativa nessa volta as aulas. As especializações são gratuitas, on-line, certificadas e podem ser realizadas como e onde o educador quiser.

Confira:

1. Jogos e brincadeiras: para além da seriação

Um dos conteúdos que mais engaja os estudantes, independentemente do nível de aprendizagem. Através das brincadeiras e jogos, os alunos potencializam seu desenvolvimento de forma divertida e educativa. O propósito deste curso é discutir e analisar as potencialidades deles na constituição da infância e na construção de vínculos.

Início: 30 de agosto

Término: 27 de setembro

Carga horária: 20 horas Modalidade: Mediado

Competências da BNCC envolvidas: Comunicação; Empatia e cooperação; Autoconhecimento e autocuidado; Cultura Digital; Repertório Cultural

Certificação: Universidade Estadual do Rio Grande do Sul

2. Experiências educativas inovadoras usando as TIC

As Tecnologias da Informação e da Comunicação (TIC) vieram para ficar. Falar em inovação e integração entre profissionais da educação e estudantes é também debater as possibilidades dos recursos tecnológicos como potencializadores do desenvolvimento de competências e habilidades do século XXI. O objetivo do curso é reavaliar práticas pensando no contexto atual e adaptá-las para a realidade de cada turma.

Início: 30 de agosto

Término: 27 de setembro

Carga horária: 10 horas

Modalidade: Autoformativo Competências da BNCC envolvidas: Conhecimento; Pensamento científico, crítico e criativo; Comunicação; Autoconhecimento e autocuidado; Cultura Digital.

Certificação: Centro Universitário Ítalo Brasileiro

3. Inova Escola – Personalização

Cada estudante é único e merece a chance de traçar o próprio caminho de aprendizagem. Por meio da personalização, os professores podem compreender as necessidades individuais e valorizar a diversidade de saberes da turma. O objetivo do curso é preparar os participantes para aplicar o conceito de personalização em suas realidades, adaptando práticas para desenvolver autonomia e mediar o processo de aprendizagem de acordo com os ritmos variados dos estudantes.

Início: 27 de setembro

Término: 25 de outubro

Carga horária: 25 horas Modalidade: Mediado

Competências da BNCC envolvidas: Conhecimento; Pensamento científico, crítico e criativo; Comunicação; Autoconhecimento e autocuidado; Trabalho e projeto de vida

Certificação: Instituto Singularidades

4. Avaliação: para que e como avaliar

Uma vez adotadas práticas inovadoras, os processos avaliativos também precisam acompanhá-las. O objetivo da avaliação é conhecer como o estudante pensa para ajudá-lo a aprender. Neste curso, os educadores são convidados a trabalhar com diferentes abordagens avaliativas, em modelos presenciais e remotos, e a pensar nelas como parte do processo de aprendizagem.

Início: 11 de outubro

Término: 08 de novembro

Carga horária: 20 horas

Modalidade: Mediado

Competências da BNCC envolvidas: Conhecimento; Pensamento científico, crítico e criativo; Comunicação; Argumentação; Autoconhecimento e autocuidado;

Certificação: Universidade Estadual do Rio Grande do Sul

5. Sem medo da indisciplina: a construção participativa da disciplina na sala de aula

Conceitos como disciplina e indisciplina são discutidos, buscando responder algumas das questões mais essenciais dos educadores em relação à gestão de uma sala de aula. A partir dos tópicos levantados ao longo do módulo, o objetivo é fazer com que o educador sinta-se mais confortável para buscar soluções de construção participativa com a turma.

Início: 11 de outubro

Término: 08 de novembro

Carga horária: 50 horas

Modalidade: Curso mediado Competências da BNCC envolvidas: Conhecimento; Argumentação; Empatia e Cooperação; Autoconhecimento e autocuidado; Responsabilidade e cidadania.

Certificação: Universidade Estadual do Rio Grande do Sul.

6. Produção colaborativa de conhecimento: redes para multiplicar e aprender

Diante da possibilidade de personalizar conteúdos e analisar grandes volumes de dados, a colaboração se torna uma das mais importantes habilidades a ser desenvolvida para tomar decisões e executá-las de forma efetiva. A ideia do curso é incentivar construções coletivas em sala de aula e em outros ambientes, criar redes e ampliar a conexão entre profissionais da educação e estudantes.

Início: 25 de outubro

Término: 22 de novembro

Carga horária: 50 horas

Modalidade: Mediado Competências da BNCC envolvidas: Conhecimento; Comunicação, Argumentação; Empatia e cooperação; Cultura Digital

Certificação: Universidade Estadual do Rio Grande do Sul

7. Mudanças de tempos e espaços para a inovação pedagógica

Entre tantos impactos produzidos pela pandemia sobre a educação, a necessidade de repensar os tempos e espaços escolares talvez seja o maior. Neste curso, o objetivo é apresentar estratégias que permitam romper o modelo tradicional de escola para encorajar a paixão por aprender, o exercício da curiosidade e a adoção de princípios e procedimentos científicos, como a investigação, a análise crítica, a imaginação e a criatividade.

Início: 25 de outubro

Término: 22 de novembro

Carga horária: 20 horas Modalidade: Mediado Competências da BNCC envolvidas: Conhecimento; Comunicação; Argumentação; Pensamento científico, crítico e criativo; Empatia e Cooperação

Certificação: Universidade Estadual do Rio Grande do Sul

* Com informações da Fundação Telefônica Vivo

Fonte: Agência Educa Mais Brasil

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="786897" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]