Lava Jato prende ex-secretário de Saúde do Rio de Janeiro novamente

Folhapress

PF

Por Italo Nogueira

A Polícia Federal prendeu na manhã desta sexta-feira (31) o ex-secretário de Saúde Sérgio Côrtes em novo desdobramento das investigações sobre corrupção no governo Sérgio Cabral.

É a segunda vez que Côrtes é objeto de um mandado de prisão. Ele já havia sido alvo da Operação Fatura Exposta, acusado de receber propina de fornecedores de equipamentos e próteses do estado.

O foco das investigações da operação desta sexta são as organizações sociais que atuaram em unidades de saúde na gestão Cabral. As ordens de prisão foram emitidas pelo juiz Marcelo Bretas.

O ex-secretário já confessou parte dos crimes que lhe são atribuídos, tendo inclusive devolvido os recursos que diz ter recebido como propina, depositados no exterior. A postura foi considerada colaborativa por Bretas, que havia negado pedido de prisão feito pelo Ministério Público Federal na Operação Ressonância, que também apura fraudes na saúde.

A reportagem procurou o advogado de Côrtes, mas ainda não obteve resposta.

Previous ArticleNext Article