65,5 % dos eleitores votariam pelo impeachment de Dilma, diz pesquisa

Jordana Martinez


Uma pesquisa feita pelo Instituto Paraná Pesquisas às vésperas do julgamento do processo de impeachment no Senado concluiu que mais da metade dos eleitores votariam a favor do afastamento definitivo de Dilma Roussef, se estivessem no lugar dos senadores. Dos 2.023 eleitores ouvidos, 65,5% votariam pelo impeachment, contra 29,5%.  Talvez foi a resposta de 3,3% e 1,7% não souberam responder.

Já em relação à pergunta “Quem o Sr(a) gostaria que fosse o Presidente do Brasil de agora em diante; Dilma Roussef ou Michel Temer?”; 41,2% escolheram Michel Temer, 21,9% Dilma Roussef, e 34,7% responderam “nenhum dos dois”.

Sobre a suposta retomada “da confiança e da esperança” do Brasil depois do afastamento de Dilma, pouco mais da metade (51,6%) concordaram com a afirmação, contra 45,1% que não acreditam que houve melhorias.

A pesquisa também perguntou sobre a disposição do eleitor em votar em candidatos que tenham o apoio de Dilma Roussef. Dos entrevistados, 63,7% afirmaram que não votariam, 19,6% responderam que sim, 14,2% consideraram a possibilidade dependendo do candidato e 2,5% não sabem ou não responderam.

Já na pergunta espontânea sobre quem seria “o maior chefe da quadrilha que roubou o Brasil nos últimos anos”, o mais citado foi o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (38,2%), seguido de Dilma Roussef (5,3%), Eduardo Cunha (3,8%), além de Fernando Henrique Cardoso (3,0%),  PT (2,6%), empreiteiras (2,1%) entre outros.

Capturar

Foram ouvidos 2.023 eleitores de 157 municípios brasileiros em 24 estados e no Distrito Federal, entre os dias 20 e 24 de agosto de 2016. A margem estimada é de  2,0% para os resultados gerais.
Nas análises das questões por localidade, o grau de confiança atinge 95,0% para uma margem de erro de 3,5% para o estrato da Região Sudeste, onde foram realizadas 873 entrevistas, 4,5% para a Região Nordeste, onde foram realizadas 546 entrevistas, e 5,5% para a Região Norte + Centro-Oeste onde foram realizadas 305 entrevistas e 6,0% para o estrato da Região Sul, onde foram realizadas 299 entrevistas.

A Paraná Pesquisas está registrada no Conselho Regional de Estatística da 1ª, 2ª, 3ª, 4ª, 5ª e 6ª Região sob o nº3122/16 e é filiada à Associação Brasileira de Empresas de Pesquisa – ABEP desde 2003. Veja a pesquisa na íntegra.

Previous ArticleNext Article
Jordana Martinez
Profissional multimídia com passagens pela Tv Band Curitiba, RPC, Rede Massa, RicTv, rádio CBNCuritiba e BandNewsCuritiba. Hoje é editora-chefe do Paraná Portal.