Acordos de última hora deixam Maria Victória com o maior tempo de propaganda política

Jordana Martinez


Narley Resende

Finalizadas as coligações dos partidos em Curitiba, o cálculo do tempo dos propagandas em televisão e rádio deixou a candidata Maria Victória na frente. Com maior número de representantes na Câmara Federal, a chapa encabeçada pelo Partido Progressista deve garantir dois minutos e sete segundos em cada programa.

A segunda chapa com maior tempo será a do candidato Rafael Greca, do PMN, com dois minutos e cinco segundos. A chapa que apoia a reeleição do prefeito Gustavo Fruet garantiu o terceiro maior tempo, com um minuto e 23 segundos. O cálculo ainda pode mudar, já que as chapas ainda podem registrar as candidaturas até o dia 15 de agosto.

As novas regras da minirreforma eleitoral, tiraram a exigência de que todo o tempo de propaganda seja distribuído exclusivamente para partidos ou coligações que tenham representação na Câmara Federal, proporcionalmente ao tamanho da bancada. A reforma também reduziu o período de propaganda dos candidatos no rádio e na TV de 45 para 35 dias, com início em 26 de agosto, no primeiro turno. Assim, a campanha terá dois blocos no rádio e dois na televisão, com 10 minutos cada.

O coordenador de Comunicação do Tribunal Regional Eleitoral, Mardem Machado, explica  que o tempo total será dividido entre candidatos a prefeito e vereadores.

Do total do tempo de propaganda, 90% são distribuídos proporcionalmente ao número de representantes que os partidos tenham na Câmara Federal. Os 10% restantes serão distribuídos igualitariamente. No caso de haver aliança entre legendas nas eleições majoritárias será considerada a soma dos deputados federais filiados aos seis maiores partidos da coligação.  Nas coligações para as eleições de vereadores, o tempo de propaganda é o resultado da soma do número de representantes de todos os partidos.

O tempo das incersões distribuídas ao longo do dia também são calculadas pelo sistema do TRE, baseados nas mesmas regras.

Depois de Maria Victória, Rafael Greca e Gustavo Fruet, o quarto maior tempo é do candidato Requião Filho, do PMDB, que terá um minuto e 20 segundos. Tadeu Veneri, do PT, terá um minuto e 14 segundos. Ney Leprevost, do PSD, um minuto e 11 segundos. Ademar Pereira do PROS, terá 15 segundos; e Xênia Melo, do PSOL 11 segundos. O candidato com menor tempo no programa eleitoral será Afonso Rangel, do PRP, com apenas seis segundos de programa eleitoral. O cálculo foi feito pelo jornalista Diego Xavier e a fórmula disponibilizada para a BandNews FM. O tempo oficial será divulgado somente no dia 15 de agosto.

Maria Victoria PP/PR/PMB/SD/PHS/PRTB 2’07’’92
Rafael Greca PMM/PSDB/PSB/DEM/PTdoB/PSDC 2’05’’42
Gustavo Fruet PDT/PRB/PTB/PV /PPS 1’26’’24
Requião PMDB/REDE 1’20’’92
Tadeu Veneri PT 1’14’’57
Ney Leprovst PSD/PSC /PCdoB/PEN/PSL/PTC 1’11’’42
Ademar PROS 0’15’’13
Xênia Melo PSOL/PCB 0’11’99
Afonso Rangel PRP 0’6’67

Previous ArticleNext Article
Profissional multimídia com passagens pela Tv Band Curitiba, RPC, Rede Massa, RicTv, rádio CBNCuritiba e BandNewsCuritiba. Hoje é editora-chefe do Paraná Portal.
[post_explorer post_id="377186" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]