AO VIVO: Ministro da Saúde fala sobre as vacinas contra a covid-19

Redação

ministro da saúde pazuello vacinas covid-19

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, concede entrevista coletiva sobre as vacinas contra a covid-19. Ele pretende detalhar a a Medida Provisória (MP) 1.026/21, que facilita a compra de vacinas e insumos. A ação do governo federal acontece no mesmo dia que os resultados da eficácia da CoronaVac, desenvolvida pelo Instituto Butantan e o laboratório chinês Sinovac, foi apresentado. O imunizante tem 78% de eficácia nos casos leves e 100% nos casos moderados e graves, evitando mortes.

Vale lembrar que a CoronaVac é um trunfo do governador de São Paulo, João Doria, contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Em outubro de 2020, Bolsonaro chegou a afirmar que o governo não iria comprar vacina chinesa, algo que já foi desmentido por Pazuello na coletiva. Segundo o atual ministro da Saúde, todas as doses do Instituto Butantan estão incluídas no PNI (Plano Nacional de Imunização) e distribuídas de forma equitativa e proporcional aos Estados.

“Estamos investindo nas duas maiores linhas de produção do Brasil há meses, na Fiocruz e no Butantan. A relação com a Fiocruz é diária, é uma fundação do ministério, e a relação do Butantan é tão forte quanto a da Fiocruz. O Butantan, se não é o maior, é o segundo maior vendedor de vacinas para o Ministério. Somos o grande cliente do Butantan, que é uma instituição do Estado”, disse ele.

“Estamos hoje na sequência de aquisição de doses com o Butantan, fechando contrato que vai a 100 milhões de doses, que é o máximo que ele consegue produzir. Temos um memorando assinado desde setembro, nos comprometendo com a totalidade de produção”, completou.

AO VIVO: VEJA A COLETIVA DO MINISTRO EDUARDO PAZUELLO SOBRE AS VACINAS

Previous ArticleNext Article