“Aqui é democracia”, diz Bolsonaro após discurso em ato

Redação

bolsonaro constantino narloch coppolla lacombe

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) negou que deseja fechar o STF (Supremo Tribunal Federal) e o Congresso Nacional nesta segunda-feira (20). As declarações foram dadas nesta manhã, ao deixar o Palácio da Alvorada.

“Sem essa conversa de fechar. Aqui não tem que fechar nada, dá licença aí. Aqui é democracia, aqui é respeito à Constituição brasileira. E aqui é minha casa, é a tua casa. Então, peço por favor que não se fale isso aqui. Supremo aberto, transparente. Congresso aberto, transparente”, afirmou Bolsonaro ao ser provocado por um apoiador.

Na visão do presidente, a pauta das manifestações era o Dia do Exército e “infiltrados” foram quem pediram o fechamento do Congresso e STF.

“Em todo e qualquer movimento tem infiltrado, tem gente que tem a sua liberdade de expressão. Respeite a liberdade de expressão. Pegue o meu discurso, dá dois minutos, não falei nada contra qualquer outro poder, muito pelo contrário. Queremos voltar ao trabalho, o povo quer isso. Estavam lá saudando o Exército Brasileiro. É isso, mais nada. Fora isso, é invencionice, é tentativa de incendiar uma nação que ainda está dentro da normalidade”, disse o presidente.

BOLSONARO DISCURSA EM MANIFESTAÇÃO QUE GRITAVA POR AI-5

Na tarde deste domingo (19), Bolsonaro esteve no ato e discursou aos manifestantes que pediram a volta do AI-5 (Ato Institucional 5). As pessoas presentes, aglomeradas, faziam críticas diretas aos presidentes Rodrigo Maia, da Câmara, e Davi Alcolumbre, do Senado, além de outras figuras políticas.

“Eu estou aqui porque acredito em vocês. Vocês estão aqui porque acreditam no Brasil. Nós não queremos negociar nada. Nós queremos é ação pelo Brasil. O que tinha de velho ficou para trás. Nós temos um novo Brasil pela frente. Todos, sem exceção no Brasil, têm que ser patriotas e acreditar e fazer a sua parte para que nós possamos colocar o Brasil no lugar de destaque que ele merece. Acabou a época da patifaria. É agora o povo no poder”, disse Bolsonaro durante o ato.

Previous ArticleNext Article