Política
Compartilhar

Biden aceitar√° mais refugiados nos EUA ap√≥s anos de restri√ß√Ķes

O presidente dos Estados Unidos (EUA), Joe Biden, pretende aumentar as admiss√Ķes de refugiados no pa√≠s para 125 mil no p..

Agência Brasil - 05 de fevereiro de 2021, 10:08

*ARQUIVO* BRASILIA, DF,  BRASIL,  17-06-2014 - O americano Joe Biden. (Foto: Pedro Ladeira/Folhapress)
*ARQUIVO* BRASILIA, DF, BRASIL, 17-06-2014 - O americano Joe Biden. (Foto: Pedro Ladeira/Folhapress)

O presidente dos Estados Unidos (EUA), Joe Biden, pretende aumentar as admiss√Ķes de refugiados no pa√≠s para 125 mil no pr√≥ximo ano fiscal, um aumento de oito vezes em rela√ß√£o ao governo anterior.

Em discurso no Departamento de Estado nessa quinta-feira (4), Biden disse também que vai assinar decreto para aumentar a capacidade do país de aceitar refugiados diante de uma "necessidade global sem precedentes".

Ele prometeu restaurar o papel hist√≥rico dos Estados Unidos como um pa√≠s que recebe refugiados de toda parte do mundo. O Alto Comissariado das Na√ß√Ķes Unidas para Refugiados (Acnur) estima que h√° 1,4 milh√£o de refugiados em todo o mundo em necessidade urgente de reassentamento.

Durante seu mandato, o presidente Donald Trump  adotou uma série de medidas para restringir a imigração legal. Unidades de reassentamento foram fechadas e funcionários realocados, situação que se agravou com a pandemia do novo coronavírus.

Joe Biden¬†disse que a meta¬†de 125 mil admiss√Ķes de refugiados - subindo de 15 mil no governo anterior¬†- √©¬†para o pr√≥ximo ano fiscal, que come√ßa no dia 1¬ļ de outubro de 2021.